Gestão de TI: o que minha empresa ganha com DevOps?

Gestão de TI: o que minha empresa ganha com DevOps?

O DevOps já se estabeleceu como uma das formas de tornar rotinas de desenvolvimento mais eficientes em todo o planeta. A integração de times de desenvolvedores e profissionais da área operacional é apontada como uma forma de reduzir custos, erros e o tempo necessário para a entrega de novas versões de um sistema.

Se você procura tornar a resposta a falhas de software, requisições de usuários e ampliar a confiabilidade de seus produtos, o DevOps pode ser a solução ideal. Levar a filosofia da metodologia Agile para novas áreas operacionais pode levar a grandes benefícios para a empresa, otimizando todas as atividades influenciadas pela gestão de TI.

Quer saber quais são? Então leia o nosso texto de hoje!

O que levou o DevOps para tantas empresas

O DevOps trabalha com o melhor das metodologias ágeis para integrar times de desenvolvimento e produção. Isso tem como objetivo criar um fluxo contínuo de entrega de software, com menos erros e mais inovação. Para o gestor de TI, o DevOps pode significar uma maneira mais prática para integrar times de TI e, dessa forma, tornar a comunicação interna mais eficiência.

Principais vantagens do DevOps

1. Ampliação da qualidade dos serviços

A qualidade de um serviço de TI pode ser medida por dois fatores. O tempo em que ele se mantém disponível e a facilidade para coloca-lo em funcionamento após uma falha. Por meio da adoção do DevOps, ambos podem ser otimizados, graças às melhorias nos processos de feedbacks e nas operações internas.

2. Agrega valor ao produto

Ao melhorar os canais de comunicação com o usuário e agilizar a entrega de novas funções, o DevOps permite que a empresa agregue mais valor aos seus sistemas. Elas tornam-se capazes de responder melhor às mudanças do mercado e a administrar projetos complexos. Como consequência, a satisfação dos clientes e o reconhecimento do mercado tornam-se maiores.

3. Aumenta a satisfação do consumidor e parceiros comerciais

Com um ciclo de releases mais curto, a empresa consegue identificar melhor as necessidades de seus consumidores e criar medidas que adaptam melhor os seus produtos às necessidades do usuário. Também será possível testar diferentes versões de um sistema, permitindo que a empresa verifique quais funções são mais utilizadas.

4. Torna funcionários mais satisfeitos

Em uma empresa tradicional, tanto o departamento de desenvolvimento quanto o de produção costuma trabalhar separado. Unir ambos os times diminui consideravelmente o número de conflitos em projetos, assim como melhora a capacidade de atingir metas de todos os profissionais. Consequentemente, toda a satisfação interna da empresa é melhorada.

5. Melhora a eficiência das operações internas

A integração de times, incentivada pelo DevOps, aumenta a qualidade da execução de projetos internos de várias formas. Não ter setores trabalhando separados cria um fluxo contínuo de trabalho, eliminando tarefas repetidas, agilizando processos e o nível de conhecimento de todos os profissionais.

Criando um ambiente interno com mais integração

O DevOps, ao ser implementado com sucesso, pode otimizar vários processos internos. Ele consegue diminuir o número de erros, melhorar a verificação de códigos e tornar  a gestão orçamentária mais eficiente.

Feito com o comprometimento de todos os funcionários, a migração para o DevOps torna a resposta às necessidades dos clientes mais ágil. A empresa terá um fluxo de entrega de serviços mais ágil e de maior qualidade.

Nesse cenário, o DevOps tornou-se uma estratégia indispensável para quem busca otimizar os seus processos internos. A busca por aquilo que as metodologias ágeis possuem de melhor leva empresas a serem mais eficazes e competitivas.

E você, já trabalhou com o DevOps em algum projeto de TI? Compartilhe a sua experiência conosco!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *